Alexandre FrazãoBaterista

    Biografia

    Natural de Niteroi, Alexandre Frazão acompanha a emigração dos pais para Portugal e acabou por se radicar desde 1987, tinha dezanove anos de idade, na cidade de Lisboa.

    Dedica-se principalmente ao jazz e à música improvisada, tendo colaborado com Maria João (cantora) e Mário Laginha, Bernardo Sassetti, Carlos Martins, Laurent Filipe, Rodrigo Gonçalves, Carlos Barretto, Ficções, Dave O’Higgins, Perico Sambeat, Jon Freeman, Mark Turner, entre outros.

    Pela sua versatilidade, é frequentemente solicitado para gravar com músicos de outros idiomas musicais, tendo trabalhado, por exemplo, com Resistência (banda), Pedro Abrunhosa, Rui Veloso, Ala dos Namorados, Nuno Rebelo, Rão Kyao, Júlio Pereira, Joel Xavier e Tim Tim por Tim Tum com Jim Black.

    Tem participada em inúmeras gravaçõess de discos de outros artistas. A destacar os discos “Nocturno” de Bernardo Sassetti, “Filactera” de Mário Delgado, “Undercovers” de Maria João (cantora) e Mário Laginha, “Tempo” de Pedro Abrunhosa, e os DVDs de Rui Veloso, “O Concerto Acústico”, e Ala dos Namorados, “Ao Vivo no S. Luiz”. Com Mário Delgado e Sérgio Carolino fundou o Trio TGB (Tuba, Guitarra, Bateria) em 2002, que gravou o disco com o mesmo nome.

    Apresenta-se a palco com os vários grupos com que tem trabalhado tanto em Portugal como um pouco por todo o mundo e integrado inúmeros festivais, dos quais se destacam, por exemplo, Jazz em Agosto, Festival Europeu do Porto, Jazz em Serralves e Festival Internacional de Macau.

    Alexandre Frazão mantém uma actividade regular com outros artistas não apenas no jazz mas também de áreas musicais.